Sobre o Ensino Fundamental

Ensino Fundamental I

A primeira fase do ​Ensino Fundamental é denominada ​Anos Iniciais​, ou ​Fundamental I​. Essa fase da Educação compreende as séries, do 1° ao 5° ano. A faixa etária dessa fase é de seis a dez anos de idade.

De acordo com a ​Base Nacional Comum Curricular (BNCC)​, é nessa etapa que ocorre a alfabetização dos alunos, com isso toda criança deverá estar plenamente alfabetizada até o fim do 2° ano.

O ciclo dos ​Anos Iniciais​ implica em mudanças na rotina acadêmica do aluno. Nesse sentido, ele desenvolve habilidades e competências que serão aprimoradas ao longo da trajetória escolar​.

Quanto aos conteúdos, a criança aprende o domínio da língua falada e escrita, os princípios matemáticos, a noção de espaço e tempo, os princípios científicos, além de ter um convívio significativo com as artes e ciências sociais.

O trabalho da Rede Biângulo no Ensino Fundamental I é bastante individualizado, respeitando o histórico e o tempo do aluno; sempre com um estímulo ao pensamento criativo, crítico e lógico.

A equipe de professoras passa por constante capacitação e toda a aprendizagem é apoiada nas ferramentas tecnológicas, favorecendo a educação de forma lúdica e natural;

O Ensino Fundamental I tem seu calendário fundamentado em projetos interdisciplinares que visam trabalhar os temas transversais de forma contextualizada com o currículo; tais como: educação financeira, empreendedorismo, conteúdo relacionado às habilidades socioemocionais, dentre outros, estão no cotidiano do estudante.

Nossa equipe trabalha para que cada um de nossos alunos tenham uma base sólida em toda sua formação.

ENSINO FUNDAMENTAL II

O Ensino Fundamental II do Colégio Biângulo tem como objetivo contribuir com a formação dos alunos. É nessa fase que os alunos passam por grandes mudanças físicas e psicológicas. A rotina escolar se torna mais independente e desafiadora. Dessa forma, implantamos uma estrutura pedagógica de confiança, com um aprendizado significativo e prazeroso. Disponibilizamos de projetos pedagógicos e tecnologias voltadas à aprendizagem como salas virtuais, aulas e provas online.

Contudo, contamos com uma equipe pedagógica preparada para acolher e auxiliar nossos alunos nesse processo de mudança para que ocorra de forma produtiva e natural.

Nos anos finais do ensino fundamental, do 6º ao 9º ano, os estudantes são colocados à frente de desafios de maior complexidade, diferentes lógicas de organização, retomando e ressignificando as aprendizagens dos anos iniciais. Nessa etapa, a Rede Biângulo preocupa-se em fortalecer a autonomia desses adolescentes, oferecendo-lhes condições e ferramentas para acessar e interagir criticamente com diferentes conhecimentos e fontes de informação.

Como nessa fase os estudantes são mais capazes de ver e avaliar os fatos pelo ponto de vista do outro, o adolescente se enxerga com singularidades e formação identitária e culturas próprias e isso faz as práticas escolares necessitam ser diferenciadas para esse público.

Como forma de buscar essa diferenciação, o Colégio compreende a cultura digital presente na vida dos estudantes e, de certo modo, envolve a tecnologia nas atividades. A tecnologia é apresentada como uma forma ferramenta de pesquisa, socialização, expressão, entretanto são destacados pontos importantes em relação ao seu uso como os crimes cibernéticos, cyberbulliyng, plágio e até mesmo a segurança física ao expor dados pessoais como telefones e endereços.

O planejamento para o ensino fundamental compreende a complexidade dessa fase da vida e oferece aos estudantes a prática pedagógica valorizando o conhecimento acadêmico e propondo reflexões a respeito dos desafios contemporâneos, contribuindo ainda que de forma incipiente o delineamento do projeto de vida.

PROCESSO AVALIATIVO

O processo de avaliação norteia a ação docente por meio de atividades individuais ou em grupos, exercícios em classe e extraclasse, testes orais e escritos, realizações de projetos e pesquisas bibliográficas, dentre outras formas de conscientizar e trabalhar o desenvolvimento das habilidades e competências necessárias à boa formação educacional do estudante.

Nos anos iniciais, as atividades dos estudantes são organizadas em portfólios e entregues aos pais/responsáveis ao final de cada trimestre. O resultado da aprendizagem do estudante é registrado em Boletim e no Relatório individual, entregues pelo professor aos pais/responsáveis do estudante.

Nos anos finais do ensino fundamental, a avaliação do aproveitamento escolar é constante, com instrumentos de avaliação que devem avaliar o raciocínio e a criatividade do estudante, passo a passo, de forma continuada, sendo igualmente importantes a auto avaliação e a avaliação formativa, visando estimular o contato do estudante com a construção do conhecimento.

A avaliação formativa é para os estudantes de todas as turmas e tem como objetivo proporcionar ao estudante momentos de reflexão sobre suas atividades diárias e suas responsabilidades. Fazem parte da Nota Formativa os aspectos qualitativos do processo de ensino-aprendizagem, que são participação, comportamento, zelo, tarefa de casa, assiduidade e autoavaliação.

Nos anos finais do ensino fundamental, é adotado o sistema de notas, considerando a prevalência dos aspectos qualitativos sob os quantitativos. A média de cada trimestre é calculada com a média aritmética de no mínimo três notas, sendo uma avaliação multidisciplinar, uma específica para cada componente curricular e uma avaliação formativa.

As médias são expressas em notas de 0,0 (zero) a 10,0 (dez), arredondando os centésimos para décimos, exigindo média mínima de 6,0 (seis) para promoção em cada componente curricular.

EQUIPE RESPONSÁVEL

  • Professores;
  • Monitores e estagiários;
  • Coordenação Pedagógica;
  • Orientação Educacional;
  • Direção Pedagógica;
  • Técnica de enfermagem;
  • Nutricionista.

DIVISÃO DAS TURMAS

  • 1º Ano : alunos de 6 anos
  • 2º Ano: alunos de 7 anos
  • 3º Ano: alunos de 8 anos
  • 4º Ano: alunos de 9 anos
  • 5º Ano: alunos de 10 anos
  • 6º Ano: alunos de 11 anos
  • 7º Ano: alunos de 12 anos
  • 8º Ano: alunos de 13 anos
  • 9º Ano: alunos de 14 anos

O aluno precisa completar a idade estabelecida para a série conforme descrito acima, no máximo até o dia 31 de março do ano letivo corrente, ou apresentar documentação de curso da série anterior.

ACESSO ÀS DEPENDÊNCIAS DA ESCOLA

É proibida a entrada de pessoas no ambiente escolar sem a autorização da equipe diretiva;

No caso da retirada do aluno por uma pessoa não listada no ato da matrícula, os responsáveis deverão informar, via agenda, nome completo e CPF ou identidade, sendo obrigatório a apresentação do documento que confirme os dados;

A informação, via telefone, deverá ser o último recurso, utilizada quando se tratar de algo inesperado. Nesse caso, a pessoa autorizada deverá apresentar documento que confirme as informações prestadas por telefone.

A vedação quanto ao acesso das famílias nos ambientes utilizados pelos alunos se deve pela preocupação com a rotina, a higienização, o cuidado e a segurança de todos, portanto, pedimos a compreensão.

COMUNICAÇÃO

A comunicação deverá ser, preferencialmente, por escrito, por meio da agenda escolar;

Pedimos que leiam atentamente os bilhetes enviados e respondam quando necessário;

A Equipe preencherá, diariamente, os campos próprios da agenda a respeito da rotina do aluno.

Em qualquer necessidade dos pais, ou da equipe de apoio pedagógico, poderá ser agendado um encontro, via agenda ou por ligação.

Todo e qualquer informativo geral será enviado aos responsáveis pelo aplicativo.

CUIDADOS DE SAÚDE

De acordo com PORTARIA CONJUNTA Nº 19, DE 23 DE NOVEMBRO DE 2017, do DF, o Colégio só poderá administrar remédios, mediante receitas/prescrições de profissional médico ou dentista, contendo o nome do aluno, a dosagem do medicamento, a forma e o horário de aplicação e a assinatura do termo de responsabilidade.

CUIDADOS DE SAÚDE: ANOTAÇÕES DIÁRIAS NA AGENDA

O nome do medicamento, a via de administração, a dose indicada (acompanhada de medidor) e o horário;

As recomendações quanto à forma de ministrar o medicamento;

Indicação, se for o caso, de manter o medicamento sob refrigeração.

O medicamento deverá ser entregue na recepção para a Orientadora, em embalagem original, com o nome da criança escrito na caixa e no rótulo.

CUIDADOS DE SAÚDE: FEBRES E MAL-ESTARES

No caso de febre (a partir de 37,5º C) ou mal-estar durante o período em que a criança estiver no colégio, os responsáveis serão comunicados imediatamente para que venham buscá-la;

A criança doente não deve frequentar o colégio por impedimento na execução das atividades de forma confortável, além de causar um risco à saúde das outras crianças;

Pensando no bem-estar dos demais alunos, para o seu retorno será necessário eliminação dos sintomas e liberação médica.

Open chat